Vida Contemplativa e Palavra de Deus

Deus fala-nos

Nós sabemos que a Palavra de Deus está contida na Escritura (cf. DV 24), o que não significa que a Escritura e a Palavra de Deus sejam exactamente a mesma coisa. Deus fala-me, Ele fala-me pessoalmente, mas a sua palavra está contida na Bíblia, numa passagem escrita, e contém as mais diversas coisas, acontecidas acerca de dois ou três mil anos atras. Então, que relação pode haver entre a minha vida e uma passagem dum passado tão distante, com uma mentalidade diferente da minha, uma cultura, etc.? O Deus presente no mais intimo das minhas vicissitudes, do mais pessoal e mais secreto de mim mesmo, como me pode falar tão indirectamente? Como é possível reunirem uma referência para mim tantas mediações? Como é que a Escritura se pode transformar em Palavra de Deus? Para nós a expressão Palavra de Deus tornou-se algo habitual, uma fórmula ritual. Mas entendida na profundidade o que esta expressão quer significar é, na minha opinião, uma elevada maturidade do crente, o que requer um longo caminho de fé e de oração.